segunda-feira, agosto 18, 2003

Blogues à sobremesa

Eu devia saber. Em tempo de férias, a actualização de um blogue depende menos de factores informáticos do que da vontade ou lembrança. Entre umas braçadas no rio, a conversa com os amigos e épicas jantaradas, sobra pouco para ler, quanto mais para escrever. Acima dos constrangimentos desta rotina, não é provável que os blogues se insurjam. Mas é possível: anteontem, findo um repasto normalmente perfeito no Solar Bragançano, em cujo pátio interior se está no céu, dei com um romance do Francisco José Viegas pousado numa das salas, livro com dedicatória e agradecimento ao proprietário pela refeição. Do FJV ao Aviz foi um saltinho mental, tal como do Aviz para o Homem a Dias e este vício recente, do qual talvez começasse a esquecer-me. Recaída inevitável. Que querem? Tive saudades.