terça-feira, setembro 09, 2003

I guess I just wasn't made for these times II

Conforme referi num post lá para baixo, na sexta-feira fui a um casamento. Sendo o Tozé meu amigo, abstenho-me de dizer aqui mais do que lhe disse pessoalmente sobre cerimónias matrimoniais em que: existem «listas» de prendas em estabelecimentos demarcados; o número de convidados excede largamente o limite do suportável; o «copo de água» decorre em «quintas» alugadas; há um póster à entrada da sala de refeições com os lugares já distribuídos; as mesas possuem nome (a nossa era o «Tigre Branco»); os pratos são servidos ao som de Albinoni, Elgar e Daniela Mercury.