terça-feira, outubro 07, 2003

Arnold e Ronald

É suposto escrever alguma coisa sobre as eleições californianas? Desculpem, mas não contribuo. Além do meu conhecimento do tema quase se limitar às reportagens do «Daily Show», acho que já existem suficientes graçolas envolvendo a candidatura do sr. Schwarzenegger e a respectiva carreira cinematográfica. Claro que, mesmo nunca tendo visto um filme do homem, procuro imaginar a causa das piadas e percebê-las. Como manda a correcção política, é evidentemente grotesca a possibilidade de um actorzeco de fitas populares chegar a governador da Califórnia. Ideia mais absurda e delirante, só pensarmos que o actorzeco, anos depois, seria eleito para a Casa Branca, recuperaria uma economia em sufoco e exterminaria sumamente a União Soviética e o comunismo internacional. Vale que o sr. Schwarzenegger nasceu na Áustria, o que obsta à empreitada: os tontos dos americanos são capazes de tudo.