quarta-feira, março 17, 2004

Blogue é coisa séria

Uns leitores recriminam-me pela referência ao sr. Burmester; outros pela "higiene das mulheres de esquerda". Haja paciência. Por desfastio, esclareço que não gosto mesmo de empregados políticos e que a ideologia das senhoras é critério que não levo em grande conta. Espero é que a comunidade "cultural" não me bloqueie a caixa de correio, que os reaccionários não me venham agora chamar porco e que as feministas não retomem a cantiga da mulher-objecto. A propósito: mulher, para mim, só mulher-poema, -Lisboa, -Tejo, -varina, -Alfama, -Ary. -Ary, salvo seja.