quarta-feira, março 03, 2004

Fim de papo (anexo - A Bíblia em construção)

Parece que o Cruzes Canhoto tem dificuldade em situar cronologicamente a Bíblia. Bem sei que o tema é polémico, mas não exageremos. Ontem, dei uma data de exemplos. Como não adiantaram, aqui vai outro: quando Zuheir Muhsin (hoje Issam Al-Qadi), que foi líder da ala militar da OLP e membro do seu Conselho Executivo, diz ao jornal holandês «Trouw», em 1977, que ‘a existência de uma identidade palestiniana autónoma apenas serve propósitos tácticos’ e que ‘a fundação de um estado palestiniano é um novo instrumento na batalha contínua contra Israel’ está a referir-se a um período posterior à conclusão da Bíblia. Mesmo o Novo Testamento já havia fechado a edição uns anitos antes de 1977.

P.S.: E agora que as questões ontológicas terão sido esclarecidas, posso manter o direito à propriedade da minha casa?