quinta-feira, março 11, 2004

Sem título, sem alento

Falei há uma hora com um amigo, jornalista, em Espanha para cobrir as eleições. Resumindo: não sabe de nada. Ninguém sabe. Ninguém sabe se foi a ETA ou a Al-Qaeda. Ninguém sabe o que pensar da carrinha com os versículos do Corão nem do desvio ao modus operandi tradicional dos etarras. Ninguém sabe responder àquilo que os jornais de amanhã insistirão em perguntar - "porquê?" -, e em boa verdade ninguém quererá tanto saber a resposta quanto em punir os responsáveis pela barbárie. A barbárie não precisa de pretextos nem de causas. Destruir é gesto fácil e basta-se a si mesmo. Disto as pessoas sabem. Do resto não.
Depois vi a sra. Ana Gomes na Sic Notícias. Simples, naquele seu jeito terno e quase infantil, a senhora explicou que a culpa dos atentados de Madrid é, e cito, "da administração Bush". Ela sabe. Prendamos Bush e agradeçamos a Egas Moniz: a lobotomia tem francas virtudes. Merecia um Nobel.