quarta-feira, setembro 15, 2004

À frente do seu tempo

Em Londres, um homem vestido de Batman sobe as paredes de Buckingham Palace em defesa dos pais divorciados. No Porto, uma dirigente do BE veste-se de dirigente do BE e invade a reunião da Câmara em nome dos desalojados de um bairro.
Folgo em ver que nem toda a política está reduzida ao espectáculo, e que existem debates sérios em curso. Mas por vezes o tempo revela injustiças: na minha infância, havia em Matosinhos um sujeito mais ou menos fantasiado de mariachi que andava pelas ruas a tocar bombo. Hoje, se fosse vivo e alardeasse uma espécie de “causa”, seria considerado um “activista” a ter em conta. À época, era o tolinho, coitadinho, se Deus o levasse...