quinta-feira, agosto 03, 2006

Revisão de contas

Ataque a Caná afinal fez menos mortos. Segundo fontes do hospital de Tiro, as vítimas do massacre/chacina/genocídio/Holocausto foram 28, e não 52, como incialmente divulgado. Faz diferença? Não faz. Mesmo que fossem 14, continuaríamos a gritar basta. Mesmo que fossem 5, continuaríamos a gritar basta. Mesmo que fosse uma única vida a perder-se, continuaríamos a gritar basta. Mesmo que não tivesse morrido ninguém, continuaríamos a gritar basta. Aliás, enquanto não vierem uns senhores de bata branca buscar-nos, nós estamos sempre a gritar basta. Temos pouco o que fazer, sabem?